Barra da Lagoa


A Barra da Lagoa conta com mais de 40 vias de escalada divididas em dois setores, além de boulders. Tem como diferencial em relacão a outros setores da ilha a disponibilidade de vias com mais de uma enfiada. A grande maioria das vias é protegida com grampos ou chapeletas, e algumas varias vias exigem proteção móvel. As vias não estão localizadas exatamente na Praia da Barra da Lagoa. Para chegar aos setores de escalada é necessário percorrer parte da trilha que leva da Barra da Lagoa à Praia da Galheta e desviar em direcão a eles.

O base das vias é confortável em ambos os setores. Não há fonte de água no local, e repelente de insetos normalmente não é necessário. Mesmo após chuvas fortes e duradouras a rocha seca rapidamente principalmente se fizer sol e ventar. Os dois setores estão virados para leste e estão expostos aos ventos nordeste e sul.

A área de escalada está dividida em três setores, referenciados aqui como Setor I, Setor II e Setor Boulders. Mais informacões estão disponíveis a respeito do Setor I, por isso será dada mais atencão a este setor.

A foto mostra a trilha que leva aos dois setores. O acesso é feito atravessando o canal da barra pela ponte pênsil. Virar à direita seguindo a calcada de cimento. Antes do final da calcada há um ruela de barro à esquerda, ainda por entre casas. No final desta ruela inicia a trilha propriamente dita, com a indicacão de uma placa “Trilha da Calheta”. A trilha está bem marcada e sobe em direcão a um colo. Chegando no colo a trilha para a Praia da Galheta segue para a direita. Para ir para o Setor I deve-se descer em direcão ao mar pela esquerda e para ir para o Setor II deve-se descer em direcão ao costão pela direita. O setor de boulders é avistado desta parte da trilha e será detalhado na secão específica.

Para o Setor I, fique atento no final da descida, a trilha continua através de uma clareira entre a vegetação mais fechada à esquerda, passando por um córrego de água. A trilha é bem marcada até o final e não desce muito próxima ao mar e também não sobe em direcão ao topo do morro. Ao longo de quase todo o trajeto é possível ver o cume da pedra de escalada, com cor cinza que vai crescendo a medida que se aproxima. Quando próximo da pedra a trilha se divide para ir em direcão às vias “Canaleta do Impossível” e “Pura Fantasia”, ou para as demais. A trilha ao todo demora cerca de 35 minutos.

barrapano